segunda-feira, 8 de agosto de 2011

(...) tenho saudades de acordar com uma sms tua, de adormecer a falar contigo, de rir contigo na web, dos nossos atrofios, das nossas parvoíces, das nossas conversas fofinhas, dos teus ataques de ciumes, de dizeres que me amavas e que eu era para sempre, tenho saudades da tua amizade (...)


parece impossivel mas, eu ainda te amo. :x

Sem comentários: